04/09/2019

Opinião | "A Ferver" de Jennifer Blackwood

Título: A Ferver
Autor: Jennifer Blackwood
ISBN: 978-989-745-027-3
Edição ou reimpressão: 06-2019
Editor: 5 Sentidos
Idioma: Português
Dimensões: 152 x 235 x 20 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 256

Sinopse: Erin Jenkins está de regresso a casa, 10 anos depois de ter deixado Portland. Não está a atravessar o melhor dos momentos, mas quando surge a oportunidade de acompanhar a sua velha paixão de escola a um casamento, o verão torna-se bem mais interessante. Escaldante, até…
Jake Bennett é bombeiro e pai solteiro. Sofreu no passado e, por isso, faz o que pode para proteger o coração de mais… chamuscadelas. Quando reencontra Erin, forma-se a tempestade perfeita para uma noite intensa. Ou duas. Ou cinco.
Erin e Jake depressa descobrirão que quem brinca com fogo dificilmente lhe escapa.
Os dados estão lançados sobre dois corações incendiados num verão quente.

OPINIÃO:
Um bom romance intenso e envolvente é o que eu mais gosto e ao ver esta capa é isso que promete e foi por isso que quis logo ler esta história assim que saiu por cá. E que história ... o título diz tudo e sim foi muito intenso e envolvente tal como já esperava. Aqui temos uma história de duas pessoas bastante diferentes que juntas vão encontrar um porto seguro. Eu amei cada página e a história destes personagens que é simplesmente linda. Principalmente o Jake, que é um personagem que foi obrigado a mudar radicalmente e é lindo conhecer a história de vida deste homem.

Neste livro conhecemos a Erin, um jovem que acaba de perder o emprego e por isso volta à cidade onde cresceu, mas o objetivo dela é apenas para passar o verão até conseguir arranjar um emprego novamente. Mas quando ela reecontra o Jake e este faz-lhe uma proposta, ela vê a sua vida mudar completamente e se no início só queria voltar a fugir daquele cidade, agora ela talvez tenha motivos para repensar na sua decisão. O resumo pode ser bastante simples, mas acreditem, esta história tem muito mais que faz com que seja bastante envolvente, as coisas não são assim tão simples e isso só faz com o livro seja bastante intenso e torna-o muito bom. 


A Erin era professora mas acabou de perder o emprego e isso faz com que ela seja obrigada a voltar para o local de onde sempre quis fugir, a sua casa, junto da sua família. Ela era uma jovem que sempre morar numa grande cidade e quando vê que tem que voltar para onde cresceu, vê a sua vida a voltar para trás. Por um lado eu compreendo, ela é uma lutadora e sempre quis ser bem sucedida e isso não acho nada de mal, mas a forma como ela estava sempre a dizer que queria ir embora admito que no início irritou-me um pouco. Mas ao longo do livro vamos conhecendo-a melhor e ela própria vai mudando, é notório a evolução dela e o quanto a sua percepção do que quer para o futuro também vai mudando e pouco a pouco a Erin cativou-me. Afinal é uma mulher lutadora e que não tem medo de seguir o que quer, no final gostei imenso dela.

O Jake é um dos personagens mais interessante que já li. Eu fiquei completamente encantada com ele, ele foi um jovem ao estilo "bad boy", mas quando descobre que a namorada está grávida ele muda completamente. Ser pai muito novo não é fácil e a responsabilidade faz com que ele tenha que se adaptar. O que mais gostei é que vemos perfeitamente tudo o que ele deixou para trás para ser pai, mas também percebemos que ele não mudaria nada. O Jake é um excelente pai e adorei ler sobre este personagem tão forte e determinado. Durante anos a sua vida foi apenas dedicada à sua filha, mas ela já está na hora de ele também ser feliz, mas claro que ele tem medo de trazer uma mulher para a vida da sua filha e a relação dele com a Erin não vai ser tão simples assim, mas eu gostei disso, só mostra o quanto ele é um bom pai.

Para mim, a história principal é o Jake, que personagem maravilhosa. Mas ao longo do livro conhecemos outras como a filha dele, que é uma jovem super divertida e que fartei-me de rir com ela. A relação da Erin com a família também não é a melhor e ao longo do livro vamos percebendo o porquê, tornando assim esta história bastante familiar, como o Jake também tem a filha ele faz tudo a pensar nela, por isso sim, é muito mais do que um romance, é uma história sobre família. Também temos outros personagens secundários que parece-me que nos próximos livros desta série vão ser importantes, porque pareciam ter segredos. No final, A Ferver é um excelente livro para iniciar esta série sobre bombeiros que eu acredito que cada um vai ser muito bom.

A escrita de Jennifer Blackwood é bastante fluída e divertida que fez com que tenha lido bastante rápido e ficado completamente presa a estes personagens. A autora conseguiu desenvolver bastante bem esta trama, no início parecia que tudo iria acontecer devido ao pedido do Jake de a Erin ir com ele ao casamento da irmã, mas isso é apenas o início e temos uma série de problemas reais a acontecerem e a história só ficou cada vez melhor a cada novo capítulo. É um romance que devorei rapidamente e que recomendo bastante para quem quer algo rápido, divertido e com uma pitada de drama e muito romance. 

Leitura com o apoio:

Sem comentários:

Publicar um comentário

Aqui podem deixar todos os comentários e prometo que responderei o mais rápido possível.

Comentários que não são construtivos não serão aceites.