03/02/2020

Opinião | "A Noiva" de Julie Garwood

Título: A Noiva
Autor: Julie Garwood
ISBN: 9789897800108
Edição ou reimpressão: 10-2018
Editor: Quinta Essência
Idioma: Português
Dimensões: 155 x 232 x 27 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 408

Sinopse: Por ordem do rei, o bravo escocês Alec Kincaid vê-se obrigado a escolher uma jovem inglesa para sua noiva. Uma contrariedade que passa a desejo mal o seu olhar recai sobre Jamie, a filha mais nova do barão Jamison. A encantadora jovem de olhos violeta desperta logo nele uma vontade de lhe tocar, de a possuir, de a amar… para sempre.
Mas Jamie tem outros planos, que não incluem um bárbaro das Terras Altas escocesas como seu marido…
Apesar dos prazeres selvagens que se adivinham sob a fachada arrogante e rude de Alec, Jamie sabe que não deve sucumbir. Mas os beijos escaldantes do fogoso escocês acabam por levar a melhor sobre a sua vontade… e um sentimento bem mais poderoso do que o desejo ameaça dominá-la por completo.

OPINIÃO:
Este foi o primeiro livro que li da autora Julie Garwood e fiquei completamente rendida. A sinopse já parecia boa, mas não esperava que a história fosse tão forte e interessante. A verdade é que a capa não mostra o quanto este livro é bom e talvez por isso nunca tenha olhado duas vezes para ele, mas assim que li a sinopse fiquei completamente rendida e sabia que tinha que ler e também tinha a certeza que iria adorar. E tinha razão, fiquei presa do início ao fim e não queria parar de ler. É um livro com uma história bastante envolvente e cativante, com personagens fortes e muito interessantes. Afinal de contas é uma história com highlanders, logo era impossível não ser bom!

Neste livro conhecemos a Jamie e o Alec. Ela é inglesa e ele escocês, estes dois povos não se davam e tinham muitos conflitos uns com os outros. Mas devido a uma ordem do rei, o Alec é obrigado a casar com uma inglesa. Logo do início não é fácil, ela é inglesa e a ir em direção à Escócia ela vai ser alvo de discriminação e de maus olhares. Toda a história é uma viagem completa, seja pelo espaço, mas também bastante emocional, afinal a Julie deixou a família para trás, apenas uma irmã veio porque casou-se com o amigo do Daniel. O livro é a viagem destas duas jovens até a uma nova vida completamente diferente com homens que acabaram de conhecer. Uma história sobre conhecimento, descoberta e muitas surpresas.


Este livro foi uma leitura maravilhosa, o livro todo é descobertas atrás de descobertas, temos uma heroína maravilhosa, daquele género que queríamos ser melhores amigas. A Jamie é a mais jovem da família, mas é a com o espírito mais adulto, é a que toma conta da casa e que ajuda em todas as tarefas. A verdade é que Jamie foi obrigada a crescer muito rápido e isso fez dela uma jovem forte e destemida e vemos este seu temperamento ao longo da história. Cada atitude dela é a pensar nos outros e depois nela própria, isso só a faz ser um humano bastante sensível e capaz de fazer sacrifícios pelos outros.

Já o Alec no início era um pouco presunçoso, mas rapidamente descobrimos a sua verdadeira personalidade e aí fiquei completamente rendida a esta personagem. A verdade é que ele tem muitas responsabilidades e em certas alturas tem que mostrar respeito e autoridade, mas não é por isso que ele é sempre assim, nada disso, pelo contrário, ele é um homem bom, trabalhoso e pronto a fazer tudo por quem ama. A autora conseguiu mostrar pouco a pouco a verdadeira personalidade dele, não entregou tudo ao leitor de uma só vez e isso só faz a leitura ficar ainda mais interessante.

O romance é rápido, mas é daqueles que o leitor torce para que aconteça logo, no início é um pouco frustrante, mas quando finalmente os personagens aceitam um ao outro são completamente amorosos e com uma química gigantesca. Como todos os highlanders, o Alec tenta ter o "controlo da relação", mas claro que rapidamente a Jamie mostra o que realmente importa. No final de contas ele só quer a felicidade da Jamie, claro que ela vai mudar completamente a vida do Alec, mas é tão bom ver estas mudanças e principalmente ver a relação dos dois a desenvolver-se que só mostra o quanto esta autora soube desenvolver uma excelente história.

Temos muito romance, muitas desavenças, mas principalmente temos nesta história muitos momentos divertidos, fartei-me de rir com estas personagens, a autora soube desenvolver bastante bem a trama, conseguindo assim prender o leitor desde o início. Não é um romance histórico onde temos passagens importantes, mas também não é esse o objetivo deste livro, é sim entreter e ter um bom momento de leitura e foi isso que mais adorei. Nunca tinha lido nada de Julie Garwood e fiquei apaixonada pela escrita, é simples, mas ao mesmo tempo consegue desenvolver o espaço e o tempo tão bem que transportava-me para esta altura sem qualquer problemas. Durante a leitura via-me nesta viagem que os personagens faziam e sonhava em querer voltar no tempo e também estar ali. Sim, pode ser um pouco louco, mas isto é o quanto eu adoro as highlands.

Uma leitura rápida e bastante envolvente, recheada de romance, muitas aventuras e muitos risos à mistura. Ideal para quem gosta de histórias que nos transportam para outros tempos, ideal para quem gosta de homens com ar de mauzões, mas que no fundo só querem ser amados. Uma história para os românticos e os aventureiros. Recomendo imenso Julie Garwood para quem quer iniciar-se em romance de época, acreditem que não se vão arrepender.

Leitura com o apoio:

Sem comentários:

Publicar um comentário

Aqui podem deixar todos os comentários e prometo que responderei o mais rápido possível.

Comentários que não são construtivos não serão aceites.