16/02/2013

desiludi a minha melhor amiga ...


Hoje a tarde recebi uma mensagem da minha best a perguntar o que iria fazer a noite e eu disse que nada, ela combinou irmos jantar juntas e aceitai logo claro, à bastante tempo que não estávamos juntas.
Fui com ela (ela tem carro) para o treino dela (ela é desportista e é campeã nacional na modalidade que pratica) e esperei lá e depois fomos para o Fórum Sintra.
Tudo estava óptimo, o jantar, as comprinhas e a conversa.
Entretanto decidimos que queríamos beber café, mas onde?
Demos voltas e voltas aqui pela zona e nada de estar aberto e logo fomos em direcção à Vila de Sintra e não é que lá tenho a brilhante ideia de lhe contar uma coisa que à meses que lhe quero contar mas não tinha coragem??
Quando ela soube ficou super irritada comigo, chamou-me burra, estúpida e mais alguma coisa e o pior é que ela tem razão, ela conhece-me melhor que eu mesma e ela própria disse "eu já sabia, eu sabia que irias cair na tentação" e a verdade é esta mesma, fui burra, estúpida e tudo o que eu passei no passado deveria ter contado para nunca ter tomado esta decisão. Ela própria disse "depois de tudo o que passaste e o que viste a minha mãe sofrer foste fazer isso?". Ela sabe os problemas de saúde que eu tenho e eu só estou a fazer pior a mim mesma, ok não é um bicho de sete cabeças, mas é merda na mesma.
O pior disto tudo é que não consigo desabafar com ela, não lhe consigo explicar o porquê de ter começado, o porquê do que estou a fazer a mim mesma, eu sei que as melhores amigas servem para isto e sei que ela ajudaria-me, mas os meus problemas ao lado do que ela já sofreu é uma pequena coisa, por isso digo que ela é a minha heroína, se eu tivesse um terço da força dela era muito feliz, mas eu sei se lhe falasse o porquê de me sentir mal e fazer o que faço ela diria "isso é normal, eles são teus pais e pronto", e hoje quando ela me perguntou o porque de e ter começado eu não lhe consegui dizer, as palavras não saíram, não consegui desabafar. Ela tem e já teve que ultrapassar tantos problemas e obstáculos na vida dela que os meus não são nada ao lado dos dela.
Agora estou aqui super triste, ela deu-me um sermão enorme, mas eu sei que mereci, sei que ela teve que o dar e tem toda a razão, mas sei que não consigo falar com ela e se não consigo falar com a minha melhor amiga com quem falo??
Simplesmente não sei, claro que vou tentar deixar isto, faz muito mal e principalmente a mim que já sou uma pessoa com um relatório enorme de doenças, mas só assim me sinto melhor, mais confiante, a minha cabeça fica leve e sei que conseguirei ultrapassar mais um dia nesta minha vida que sei que é muito boa, tenho casa, cama e comida, mas não aguento viver aqui, estou a beira da loucura e talvez esta seja a minha forma de "relaxar", pelo menos assim consigo viver um dia de cada vez.

7 comentários:

  1. Claro que é difícil tentar dizer alguma coisa que te encoraje se não percebo bem o problema, pelo menos posso dizer que apesar de nunca ter passado por algo semelhante te compreendo, às vezes temos noção de que deveríamos estar contentes com algo, mas mesmo assim sentir que falta algo ou que precisamos de uma "escapatória", mas se esta escapatória é prejudicial para nós mesmos então não é uma verdadeira escapatória, só está a encobrir o problema, está-nos a distrair, o que faz com que a gente não o tente resolver. Uma boa escapatória é aquela que nos liberta a mente apenas pelo tempo necessário para nos organizarmos para depois estarmos capazes de resolver o nosso problema. Se tens noção que tens uma boa vida, então é porque consegues excluir o que de bom tens nela, e podes focar-te no que te está a perturbar, e ninguém está a dizer que é fácil, apenas se tiveres a certeza absoluta de qual é o teu problema, será mais fácil arranjar coragem para o enfrentar, mesmo que seja um problema só teu ou um que envolva família. Se achas que a tua melhor amiga te iria ajudar, então não te negues isso, porque mereces ajuda, se ela está disponível para te ajudar, deixa-a, mesmo que esteja furiosa, ficamos assim quando queremos defender quem gostamos. Fala com ela abertamente, é difícil quando provavelmente vamos ouvir coisas que já sabemos mas não queremos ouvir ou quando sabemos que a outra pessoa vai ficar magoada ou preocupada, mas quem gosta de nós tem o poder de nos surpreender com palavras que precisamos mesmo.

    Espero que te tenha ajudado em alguma coisa, não te quero maçar com parvoíces, podes não publicar o comentário já agora. ;D Qualquer coisa, é só dizer, não me conheces mas sou boa leitora(ouvinte). ;D

    ResponderEliminar
  2. Tens de ganhar coragem! É difícil, sim, mas erraste e, apesar de saberes que a tua melhor amiga tem toda a razão no sermão que te deu, tens de ganhar coragem e pedir-lhe apenas para te ouvir! Existe sempre obstáculos, mas temos sempre alguém do nosso lado, e por vezes, nada melhor do que a pessoa que te chamou a atenção para deitares tudo cá para fora. Sim, porque ainda te faltam coisas por dizer, falta sempre, e ela não te vai baixar os braços ao saber que, ao menos, queres que ela ouça. Não outra pessoa, mas ela. A tua melhor amiga! Não podes alterar o passado, porém podes tentar melhorar as tuas ações do futuro e revelar enquanto estamos no presente. Que, é o tempo que mais depressa passa, por isso, força! Não deixes nada por dizer!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  3. Princesse, os amigos estão sempre do teu lado, qualquer que seja o tamanho do problema. O que para uns é uma coisa minima, para outros pode ser uma tempestade. Mas isso não significa nada numa amizade, porque numa amizade de verdade não se comparam problemas, ajuda-se a ultrapassa-los!

    ResponderEliminar
  4. Tens um desafio no meu blog, beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Pensa que por muito que ela pense que estás a dramatizar no inicio, depois vai acabar por te ouvir e ajudar, mesmo achando que estás a exagerar (:

    ResponderEliminar
  6. Não faço ideia do que fizeste e do que estás a passar, mas pelo que dizes a tua amiga é realmente uma óptima amiga em te ter dado um sermão em vez de ter dado uma festa no ombro e dizer que tudo se resolve. Ás vezes precisamos de um abanão e de alguém que nos diga realmente as coisas e a verdade é que com a saúde não se brinca.
    Acho que deves falar abertamente com ela porque ela é a tua melhor amiga e independentemente de tudo vai estar sempre a apoiar-te e a dar-te na cabeça quando é preciso.
    Quanto ao facto de teres uma casa, comida e roupa lavada, não quer dizer que sejas feliz, as pessoas são diferentes e cada uma é feliz à sua maneira, não podemos pensar que porque temos as coisas básicas e outras pessoas não têm, temos que estar felizes e dar graças por isso, porque as coisas não são de todo assim. O essencial é sentirmos-nos bem com nós mesmos e com os que nos rodeiam.

    ResponderEliminar

Aqui podem deixar todos os comentários e prometo que responderei o mais rápido possível.

Comentários que não são construtivos não serão aceites.