24/02/2021

Resumo Literário de 2020

Sim eu sei, já estamos no final de Fevereiro e só agora trouxe este post, mas como eu digo sempre, mais vale tarde que nunca xD

Comecei o ano passado a pensar que não iria ler muito, inicialmente coloquei como meta ler 80 livros, mas depois veio a pandemia, vim trabalhar para casa e até estive de layoff, por isso consegui sim passar essa meta e ler muito mais.

Tal como nos últimos anos, este post vai ser dividido em várias categorias: números, favoritos e desilusões. Não vai ter a parte de que se cumpri ou não as metas porque parece que eu já estava a prever alguma coisa, mas no início de 2020 decidi não criar metas e ler "o que me apetecesse", se foi alguma previsão do ano que iriamos ter não sei, mas como não escrevi metas, este último tópico não vai ter. Mas este ano já coloquei 3 metas/objetivos para o ano de 2021, são simples, mas isso irão ver no post de amanhã!

NÚMEROS:

Em 2020 li 129 livros, sim superei a meta inicial e achei que foi incrível. Li livros muito bons (e também uns maus), mas o ponto alto do ano passado foi ter conhecido duas autoras incríveis (já falo mais disso nos favoritos) e no geral muito um ano incrível em termos de leituras. Não foi um ano bom em termos pessoais, a pandemia estragou muita coisa, tal como viagens que já estavam planeadas (e pagas), mas pelo menos em termos de livros foi muito bom!

Para curiosidade, dei 5 estrelas a 50 livros, dei 4 estrelas a 42 livros, dei 3 estrelas a 32 livros, dei 2 estrelas a 4 livros e por último, dei 1 estrelas a apenas 1 livro. Para mais algumas informações sobre os livros que li, deixo-vos o "my year in books" do goodreads que mostra quantas páginas li, qual o livro mais curto e o mais longo que li e a média de estrelas que dei:


FAVORITOS:
Como disse no início, eu li muitos livros bons em 2020, afinal de contas dei 5 estrelas a 50 livros. Por isso foi muito difícil escolher o meu TOP 6, desta forma, escolhi os 6 melhores e ainda coloquei mais 2 que surpreenderam-me imenso e são de autoras portuguesas. Os livros não estão por nenhuma ordem específica.

  
Em 2020 conheci duas autoras (completamente diferentes) e que fiquei completamente viciada que foi a Stephanie Laurens e a Vi Keeland. Da Stephanie Laurens li 4 livros que adorei (ainda li mais um que desiludiu, mas isso falamos no próximo tópico) e desses quatro o meu favorito foi o "A Salvo com o Seu Captor" que foi simplesmente incrível, acompanhamos o personagem masculino desde o primeiro livro e aqui descobrimos o porquê de ele fazer tudo o que fez e é maravilhoso. Já da Vi Kelland, li o ano passado três livros e o meu favorito foi "O Prof", sim as capas dos livros desta autora não são as melhores, mas acreditem, a história vale completamente a pena e adorei a forma como a autora colocou o passado e o presente aqui neste livro. "Confiar" de Mona Kasten também está nos meus favoritos do ano de 2020 porque, além de ser superior ao primeiro livro, eu emocionei-me imenso com a história dos personagens e adorei a forma como a autora abordou os temas!

  
Sherrilyn Kenyon é a rainha do paranormal e "Styxx - Parte 2" foi uma completa aventura de emoções, chorei tanto, irritei-me tanto, fiquei com nojo e só queria entrar no livro e proteger este personagem, só quem leu a saga por ordem ficou com pensamentos errados sobre o Styxx e quando compreendemos tudo o que ele passou só queria culpar-me a mim própria por tudo o que pensei dele, um livro incrível que tinha que estar obrigatoriamente entre os meus favoritos. Tambeém tinha que colocar nestes favoritos o livro "Ritmo Imperfeito" da autora brasileira Sara Fidélis porque foi um livro que chorei imenso e durante o ano de 2020 reli mais umas 3 vezes só para ter a certeza da maravilha que estava a ler. Este é o terceiro livro de uma série e foi sem dúvida o melhor dos 3! Dentro deste top é raro estar um thriller, não é o meu género favorito e leio muito pouco, mas em 2020 li uns 3 ou 4 muito bons e "O Medo" de C. L. Taylor foi dos que mais gostei, fala sobre um tema muito importante e a forma como a autora desenvolveu a história faz com que o leitor fique preso do início ao fim e fiquei completamente maluca com este livro.

 
Por último, tinha que dar destaque a dois livros que autoras portuguesas que adorei imenso. "Esquece Quem Eu Sou" da S. Catarina Gomes é um romance new adult exatamente do género que eu amo e fiquei completamente rendida pela história linda e principalmente pela escrita incrível. "A Anos-Luz" de Carmen Garcia é uma mistura entre distopia, ficção cientifica e new adult que gostei imenso e mal posso esperar para a Carmen publicar o segundo livro que acredito que vai ser tão incrível, ou até melhor!

DESILUSÕES:
Como li tantos livros em 2020, tive muitos livros que adorei, mas também tive muitos livros que não gostei. Nesta lista não vai estar propriamente os livros que menos gostei, mas aqueles que desiludiram-me, porque para mim são os piores. Se inicio uma leitura já à espera de ser fraco, ou sem qualquer expetativas, e não gosto, não é propriamente uma desilusão. Desilusão é quando iniciou um livro pensando que iria gostar e depois não era tudo aquilo que esperava.

  
Nestas listas eu não ordeno por nenhuma ordem em especial, mas estes dois primeiros livros tenho que admitir que são as maiores desilusões de 2020. "O Fiel Highlander" de Amanda Scott eu comprei assim que saiu e não gostei de nada, sou completamente apaixonada por highlanders e este livro foi muito mau. Como disse nos favoritos, Stephanie Laurens foi uma autora que conheci em 2020 e fiquei completamente apaixonada, mas "Damas e Libertinos" é uma coletânea de contos que para mim não resultou, foi uma grande desilusão porque iniciei a pensar que seria incrível e foi muito mau. Outro livro que desiludiu foi "A Quinta" de Joanne Ramos, a premissa prometia uma coisa e no final de contas não é nada do que prometia e foi chato e sem grande novidade.

  
"Memória de Uma Cor" de Rosie Price foi outro livro que desiludiu-me porque estava com altas expetativas devido ao tema, mas achei que a autora não abordou da melhor forma e tornou tudo muito confuso e nada pessoal. "Um de Nós Mente" de Karen M. McMannus também está nesta lista de desilusões porque o tema principal não foi bem elaborado e o "mistério" é fraco e pouc desenvolvido, foi uma leitura muito fraca que esperava muito mais. Por último, "A Prometida" de Kiera Cass foi outro livro que desiludiu-me porque acompanho a autora e como este livro foi escrito depois da série A Seleção pensei que fosse muito bom e não, é um livro muito fraco com várias coisas misturadas que não faz sentido e dois romances que também eles não fazem sentido.

E foi este o meu 2020, que foi mau como ano, mas em termos de leitura foi muito bom!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Aqui podem deixar todos os comentários e prometo que responderei o mais rápido possível.

Comentários que não são construtivos não serão aceites.