09/11/2018

Opinião | "A Paixão de Wilde" de Eloisa James

Título: A Paixão de Wilde
Autor: Eloisa James
ISBN: 9789898917416
Edição ou reimpressão: 10-2018
Editor: TopSeller
Idioma: Português
Dimensões: 150 x 229 x 23 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 384

Sinopse: Lorde Alaric Wilde é um famoso escritor e explorador inglês, venerado pelas suas perigosas aventuras e elegante aparência.
Após alguns anos no estrangeiro, regressa a casa. Só que Alaric não fazia ideia da sua celebridade até o seu navio atracar em Londres e ser recebido por uma multidão de senhoras desejosas de ver ao vivo o autor da famosa peça A Paixão de Wilde.
Para fugir a todo o rebuliço, Alaric refugia-se no castelo do pai. Lá, conhece a bonita e espirituosa menina Willa, que tem inúmeros pretendentes, mas não tem interesse por nenhum, e muito menos por um cuja vida privada é partilhada com o país inteiro. Alaric adora desafios e, até conhecer Willa, nunca se tinha apaixonado.
Conseguirá um homem que não aceita perder uma batalha conquistar uma mulher com um espírito indomável?

OPINIÃO:
Quando eu vejo que um novo romance histórico da Topseller eu fico logo bastante curiosa para o ler, fora que eu já à imenso tempo que queria ler algo desta autora. Nem sei como fiquei tanto tempo sem ler nenhum livro de Eloisa James, mas este foi o primeiro mas obviamente não será o último! Em poucas palavras posso dizer que o início foi um pouco difícil, mas depois que entrei na história foi sensacional.

A trama é bastante interessante, o Alaric Wilde é um Lorde, mas ele passou anos no estrangeiro e ao longo desse tempo escreveu várias histórias das suas aventuras que tornaram-se bastante famosas. Quando Alaric volta para casa é que se apercebe do quanto famoso que ele é. Quando chega ao castelo do pai conhece a Willa, uma jovem que não liga para as histórias dele e, ao contrário de todas as restantes jovens, não o admira e muito menos pretende ter algo com uma pessoa que é falada por todo o país. Claro que aqui começa um jogo de conquista, o Alaric fica admirado pela Willa e faz disto um desafio que pretende cumprir.

Este tipo de romances é o meu género favorito, eu quando começo estas fantásticas histórias eu perco-me completa. Neste foi exatamente isso que aconteceu e mesmo no início ter sido um pouco complicado, não sei o que era, talvez a escrita da autora que é ligeiramente deferente do que estou habituada, mas depois fiquei viciada nesse casal e só desejava saber como tudo iria terminar. A história é bastante interessante, aqui temos um lorde que é famoso entre as jovens devido ás suas histórias e acho que nunca li nenhum livro que o personagem masculino escreva livros (ou pelo menos não me lembro), o que foi uma super novidade para mim e gostei imenso.

Outro aspeto que gostei bastante é que o Alaric não quer esta atenção, principalmente quando descobre o que realmente estas jovens gostam e que não é propriamente dos seus livros e de literatura no geral. Este aspeto é interessante porque se pensarmos nos dias de hoje, infelizmente existem muito mais pessoas a preferirem os filmes do que propriamente o livro em si, não é que eu não digo que os filmes não sejam bons, mas é notório este paralelo em que o Alaric ficou famoso devido a uma peça de teatro, quando na verdade ele queria era que as pessoas lessem as suas aventuras.

Depois temos a Willa, a nossa personagem feminina que eu tenho que dizer que adorei. Willa é uma jovem inteligente e muito bonita, mas ela não segue o que os outros dizem, como tal a partir do momento que existe este homem famoso, ela não quer saber nada sobre isso. Ela nunca leu nada dele e muito menos viu a tal peça famosa e não tem interesse nenhum em conhece-lo. Com isto, começa aqui um jogo de "gato e rato" que vai acompanhando a maior parte do livro e que vai dar ao leitor momentos bastante divertidos. Ambos os personagens são bastante inteligentes e isso nota-se perfeitamente nos diversos diálogos que aqui temos, isto foi algo que a autora conseguiu mostrar perfeitamente bem do início ao fim, dando ao leitor a conhecer a personalidade destes personagens não por adjetivos, mas sim pelas suas próprias ações.

Outro aspeto interessante é o mistério sobre a peça A Paixão de Wilde, no início parecia que era outra, depois no meio comecei a desconfiar, mas verdade seja dita que nunca imaginei tal coisa. A autora consegue misturar as ações dos personagens com a realidade tão bem, que mesmo na altura em que quase estão a desvendar eu ainda pensava que era outra coisa. Vou ser sincera, não é um mistério gigante, mas a forma como Eloisa James desenvolveu a trama, faz com que o leitor duvide ao longo do livro todo e só quando descobrimos a verdade é que pensamos que realmente tudo fazia sentido.

A Paixão de Wilde é um livro inteligente, a escrita de Eloisa James é uma novidade para mim, é um pouco mais elaborada do que outros livros do género, mas isso só faz com que seja ainda melhor e rapidamente entramos de cabeça nesta trama. A história é cativante, o romance prende o leitor e está recheado de emoções. Para quem gosta do género eu recomendo imenso, esta autora conquistou-me e já quero ler mais dela.

Leitura com o apoio:

Sem comentários:

Publicar um comentário

Aqui podem deixar todos os comentários e prometo que responderei o mais rápido possível.

Comentários que não são construtivos não serão aceites.